Ir para o conteúdo

Prefeitura de Aparecida e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Aparecida
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Legislação
ARRASTE PARA VER MAIS
LEGISLAÇÃO
Atos relacionados
INTERAÇÃO
Curtir
Anotação
Marcação
BUSCA
Expressão
Artigo
EXPORTAÇÃO
Código QR
Baixar
Compartilhar
COLABORE
Reportar Erro
QRCode
Acesse na íntegra
LEI Nº 2408, 08 DE JULHO DE 1991
Assunto(s): Administração Municipal
Em vigor
EmentaCriação de concelho Municipal e do fundo da criança e do adolescente
CLÁUDIO GALVÃO DE CASTRO
Prefeito Municipal da Estância Turística de Aparecida.
Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu promulgo a seguinte lei:
CAPITULO I
DO CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Art 1º - Nos termos do artigo 88, inciso II da Lei Federal n° 8.069/90, fica criado o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, órgão deliberativo e controlador da Política de atendimento à criança e adolescente, observada a composição paritária de seus membros.
Art 2º - O Cons1ho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente fica constituído dos seguintes membros:
1 - membro representante do Poder Executivo;
1 - membro representante do Poder Legislativo;
1 - membro representante do Poder Judiciário ( Juizado de
LEI N.° 2.408 de 08 de Julho de 1991. -2-
REF: continuação ...
CLÁUDIO GALVÃO DE CASTRO
Prefeito Municipal da Estância Turística de Aparecida.
Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu promulgo a seguinte lei:
Menores );
1 - membro representante da Polícia Civil;
1 - membro representante da Polícia Militar;
1 - membro representante da Secretaria de Estado da Promoção Social;
1 - membro representante da Secretaria de Estado da Saúde;
1 - membro representante do Departamento Municipal de Promoção Social;
1 - membro representante do Departamento Municipal de Educação e Cultura;
1 - membro representante da O.A.B.- Secção de Aparecida;
1 - membro representante da Arquidiocese de Aparecida;
1 - membro representante de Entidades particulares que atendem em sistema de creches;
1 - membro representante de Entidades que atendem deficientes;
1 - membro representante do Movimento Religiosa com trabalho comunitário pró-criança;
LEI N.° 2.408 de 08 de Julho de 1991. -3-
REF: continuação ...
CLÁUDIO GALVÃO DE CASTRO
Prefeito Municipal da Estância Turística de Aparecida.
Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu promulgo a seguinte lei:
1 - membro representante da Pastoral da Criança e do Adoléscente;
1 - membro representante das Entidades Esportivas de Aparecida ( Ligas Desportivas );
1 - membro representante da Associação do Comércio Ambulante de Aparecida;
1 - membro representante da Associação Comercial e Industrial de Aparecida.
PARÁGRAFO 1° - Os representantes dos órgãos Públicos Municipais, pertencentes ao Poder Executivo, serão indicados pelo Prefeito, no prazo de 10 ( dez ) dias, conta dos da publicação da presente Lei.
PARÁGRAFO 2° - Imediatamente após a publicação da presente
Lei o Prefeito deverá encaminhar ofício aos demais Órgãos Públicos, encaminhando-lhes cópia desta legislação, solicitando a designação do seu membro represen
LEI N.° 2.408 de 08 de Julho de 1991. -4-
REF: continuação ...
CLÁUDIO GALVÃO DE CASTRO
Prefeito Municipal da Estância Turística de Aparecida.
Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu promulgo a seguinte lei:
... tante para o Conselho, no prazo de 10 ( dez ) dias.
PARÁGRAFO 3° - O Prefeito oficiará, também, imediatamente após a publicação da presente Lei, encaminhando cópia desta Legislação, às Entidades Civis elencadas no caput deste artigo, com sede no Município para que em Assembléia e no prazo máximo de 10 ( dez ) dias elejam o seu membro representante para o Conselho.
PARÁGRAFO 4° - A designação dos membros do Conselho compreenderá a dos respectivos suplentes.
PARÁGRAFO 5° - Após a designação de todos os membros pelos órgãos e Entidades, o Prefeito convocará, mediante Edital publicado na imprensa local, uma Assembléia para, no prazo máximo de 10 ( dez ) dias, proceder a posse do Conselho.
LEI N.° 2.408 de 08 de Julho de 1991. -5-
REF: continuação ...
CLÁUDIO GALVÃO DE CASTRO
Prefeito Municipal da Estância Turística de Aparecida.
Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu promulgo a seguinte lei:
PARÁGRAFO 6° - Os membros do Conselho e os respectivos suplentes exercerão mandato de 2 ( dois ) anos, admitindo-se a renovação por apenas uma vez e por igual período.
PARÁGRAFO 7° - A função do membro do Conselho é considerada de interesse público relevante e não será remunerada.
PARÁGRAFO 8° - Havendo vacância e término de mandato de Conselheiros designados pelo Poder Público Executivo, este indicará substituto no prazo de 10 ( dez ) dias.
Art 3º - Compete ao Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente
I - formular a Política Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, definindo prioridades e contro-
LEI N.° 2.408 de 08 de Julho de 1991. -6-
REF: continuação ...
CLÁUDIO GALVÃO DE CASTRO
Prefeito Municipal da Estância Turística de Aparecida.
Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu promulgo a seguinte lei:
... lando as ações de execução;
II - opinar na formulação das Políticas Sociais básicas de interesse da Criança e do Adolescente;
III - deliberar sobre a conveniência e necessidade de implementação de programas e serviços, que atendam ao disposto na Lei Federal n° 8.069/90, bem como sobre a criação de entidades governamentais ou realização de consórcio intermunicipal regionalizado de atendimento;
IV - elaborar o Regimento Interno;
V - solicitar as indicações para o preenchimento de cargo de Conselheiro, nos casos de vacância ou término de mandato;
LEI N.° 2.408 de 08 de Julho de 1991. -7-
REF: continuação ...
CLÁUDIO GALVÃO DE CASTRO
Prefeito Municipal da Estância Turística de Aparecida.
Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu promulgo a seguinte lei:
VI - nomear e dar posse aos Membros do Conselho;
VII - gerir o Fundo Municipal, alocando recursos para os programas das Entidades Governamentais e repassando verbas para as Entidades não Governamentais;
VIII - propor modificações nas estruturas das Secretarias e órgãos da Administração ligadas à promoção, prestação e defesa dos direitos da criança e do adolescente;
IX - opinar sobre o orçamento municipal destinado à assistência social, saúde, educação da criança e adolescente, bem como ao funcionamento dos Conselhos Tutelares, indicando as modificações necessárias à consecução da política formulada;
X - opinar sobre a destinação dos recursos e espaços pú
LEI N.° 2.408 de 08 de Julho de 1991. -8-
REF: continuação ...
CLÁUDIO GALVÃO DE CASTRO
Prefeito Municipal da Estância Turística de Aparecida.
Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu promulgo a seguinte lei:
... blicos para programações culturais, esportivas e de lazer voltadas para a infância e a juventude;
XI - proceder a inscrição de Programas de proteção sócio educativos de entidades governamentais e não governamentais, na forma dos artigos 90 e 91 da Lei n.°... 8.069/90;
XII - fixar critérios de utilização, através de planos de aplicações das doações subsidiadas e demais receitas, aplicando necessariamente percentual para o incentivo do acolhimento, sob a forma de guarda, de criança ou adolescente, órfãos ou abandonados, de difícil colocação familiar.
Art 4º - O Conselho Municipal manterá uma Secretaria Geral, destinada ao suporte administrativo financeiro necessário ao seu funcionamento, utili -
LEI N.° 2.408 de 08 de Julho de 1991. -9-
REF: continuação ...
CLÁUDIO GALVÃO DE CASTRO
Prefeito Municipal da Estância Turística de Aparecida.
Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu promulgo a seguinte lei:
... zando instalações e funcionários próprios desde que seu custo não ultrapasse 1% hum por
cento ) do orçamento geral do Fundo.
Art 5º - O Conselho Municipal poderá solicitar assessoria técnica aos órgãos públicos Estaduais e Federal, nos setores de Promoção Social, Ação Social, Saúde e Educação, na sua formação e funcionamento.
CAPÍTULO II
DO FUNDO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Art 6º - Fica criado o Fundo Municipal dos Direitos da
Criança e do Adolescente, assim constituído
I - pela dotação consignada anualmente no Orçamento do
LEI N.° 2.408 de 08 de Julho de 1991. -10- REF: continuação ...
CLÁUDIO GALVÃO DE CASTRO
Prefeito Municipal da Estância Turística de Aparecida.
Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu promulgo a seguinte lei:
Município para Assistência Social voltada a criança e adolescente;
II - pelos recursos provenientes dos Conselhos Estadual e Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente;
III - pelas doações, auxílios, contribuições e legados que lhe venham a ser destinados;
IV - pelos valores provenientes de multas decorrentes de condenações em ações civis ou de imposição de penalidades administrativas previstas na Lei n° .......8.069/90;
V - por outros recursos que lhe forem destinados inclusive os bens deixados após óbitos dos proprietários sem herdeiros;
LEI N.° 2.408 de 08 de Julho de 1991. -11-
REF: continuação ...
CLÁUDIO GALVÃO DE CASTRO
Prefeito Municipal da Estância Turística de Aparecida.
Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu promulgo a seguinte lei:
VI - pelas rendas eventuais, inclusive as resultantes de depósitos e aplicações de capitais.
Art 7º - O fundo será regulamentado por Resolução expedida pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente.
CAPITULO III
DAS DISPOSIÇÕES FINAIS E TRANSITÓRIAS
Art 8º - No prazo de 30 ( trinta ) dias da publicação desta Lei por convocação do Chefe do Poder Executivo Municipal, os órgãos e organizações a que se refere o Artigo 2° se reunirão para elaborar o Regimento Interno do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente 1
ocasião em que elegerão seu primeiro Presidente.
LEI N° 2.408 de 08 de Julho de 1991. -12-
REF: continuação...
CLÁUDIO GALVÃO DE CASTRO
Prefeito Municipal da Estância Turística de Aparecida.
Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu promulgo a seguinte lei:
Art 9º - Fica o Poder Executivo autorizado a abrir crédito adicional especial para as despesas iniciais decorrentes do cumprimento desta Lei, no valor de Cr$ 2.000.000,00 ( dois milhes de cruzeiros
Art 10 - O crédito adicional especial mencionado no artigo anterior será classificado no Orçamento vigente na dotação 07.01.15.81.483. - Unidade Promoção Social - Assistência ao Menor , mediante anulação da despesa 08.01.41.10.13.75.428.1.005 ( Obras de Saúde ).
Art 11 - Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.
LEI N.° 2.408 de 08 de Julho de 1991. -13-
REF: continuação...
CLÁUDIO GALVÃO DE CASTRO
Prefeito Municipal da Estância Turística de Aparecida.
Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu promulgo a seguinte lei:
Registre-se, Publique-se, Afixe-se e Cumpra-se.
Aparecida, 08 de Julho de 1991.
CLÁUDIO GALVÃO DE CASTRO
Prefeito Municipal
Autor
Executivo
* Nota: O conteúdo disponibilizado é meramente informativo não substituindo o original publicado em Diário Oficial.
Atos relacionados por assunto
c
Ato Ementa Data
SAAE - PORTARIA Nº 6, 05 DE JANEIRO DE 2022 Retifica a portaria n° 03/2022, que autoriza a concessão de Pró-labore 05/01/2022
SAAE - PORTARIA Nº 4, 03 DE JANEIRO DE 2022 Autoriza a Concessão De Licença Prêmio ao Servidor Público Municipal, Sr. Joel Batista Brigagão Junior 03/01/2022
SAAE - PORTARIA Nº 3, 03 DE JANEIRO DE 2022 Autoriza a Concessão de Pró-Labore ao Servidor Público Municipal 03/01/2022
SAAE - PORTARIA Nº 2, 03 DE JANEIRO DE 2022 Nomeia Servidor em Comissão 03/01/2022
SAAE - PORTARIA Nº 1, 03 DE JANEIRO DE 2022 Nomeia Servidor em Comissão 03/01/2022
Minha Anotação
×
LEI Nº 2408, 08 DE JULHO DE 1991
Código QR
LEI Nº 2408, 08 DE JULHO DE 1991
Reportar erro
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Seta
Versão do Sistema: 3.1.9 - 17/01/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia